Destaques

segunda-feira, 16 de outubro de 2017

LECTIO DIVINA: SEGUNDA-FEIRA DA SEMANA XXVIII DO TEMPO COMUM

Romanos 1, 1-7
Paulo, servo de Jesus Cristo, apóstolo por chamamento divino, escolhido para o Evangelho que Deus tinha de antemão prometido pelos profetas nas Sagradas Escrituras, acerca de seu Filho, nascido, segundo a carne, da descendência de David, mas, segundo o Espírito que santifica, constituído Filho de Deus em todo o seu poder pela sua ressurreição de entre os mortos: Ele é Jesus Cristo, Nosso Senhor. Por Ele recebemos a graça e a missão de apóstolo, a fim de levarmos todos os gentios a obedecerem à fé, para honra do seu nome, dos quais fazeis parte também vós, chamados por Jesus Cristo. A todos os que habitam em Roma, amados por Deus e chamados a serem santos, a graça e a paz de Deus nosso Pai e do Senhor Jesus Cristo.

FRASE DE SÃO VICENTE DE PAULO


Resultado de imagem para IMAGEM de são vicente de paulo

-” Convém amar os pobres com um afeto especial, vendo neles a pessoa do próprio Cristo, e dando-lhes a importância que Ele mesmo dava”.

A linguagem do sorriso

O sorriso é a linguagem natural do coração humano, e para ela não existem barreiras

Alguma vez na vida, você já viveu a experiência de tentar se comunicar com alguém que não fala nem compreende a sua língua? Eu já! E fiz uma grande descoberta: o sorriso tem uma linguagem universal.
Certa vez, estando em Fátima, fui à Capelinha das Aparições na companhia de uma irmã para participarmos da oração do Terço e acompanharmos a procissão das velas que, por sinal, é uma das atividades que mais emociona os milhares de peregrinos de Nossa Senhora. O fato é que me separei, por um instante, dessa pessoa e não consegui reencontrá-la antes da procissão. Tive, portanto, que seguir sozinha, embora cercada por uma imensa multidão. A certa altura da caminhada, aproximou-se de mim uma senhora que tentou falar comigo, fiz sinal de que não compreendia sua língua. Ela, com gestos, pediu-me ajuda para vestir seu agasalho. Quando a ajudei, ela agradeceu e sorriu com delicadeza e ternura, o que me levou a fazer o mesmo. Assim, já não éramos mais sozinhas, o sorriso nos uniu. Seguimos entoando o mesmo canto, embora em línguas distintas, entre Pais-Nossos e Ave-Marias, com os olhos voltados para a imagem daquela que também é chamada Virgem do sorriso.

A influência do comportamento dos pais na vida dos filhos

A influência do comportamento dos pais na vida dos filhos
O que temos refletido para nossos filhos? Qual ambiente eles têm experimentado dentro da família?
Já se pegou olhando para o seu filho e percebeu ele falando como você ou fazendo coisas como você? Ele é tão pequeno ainda, que você nem sabe como isso acontece! Se não observou isso, eu o convido a fazer essa experiência e observar o comportamento dos pequenos e de seus pais ou cuidadores mais próximos. Verá que a criança reproduz muitos comportamentos do adulto, que é a sua referência, e esse adulto nem percebe isso. Por que isso acontece?

Como contribuir com a sexualidade de nossos filhos?

-Como-contribuir-com-a-sexualidade-de-nossos-filhosComo contribuir com a sexualidade de nossos filhos?

·          É preciso falar, de forma saudável, sobre sexualidade
Somos seres sexuados. Desde que são pequenas, falamos com as crianças sobre suas características pessoais, como olhos pretos, castanhos ou azuis, cabelos loiros ou castanhos, mão pequena, nariz afilado, sexo feminino ou masculino e assim por diante. Então, por que não falar sobre sexualidade, isto é, sobre tudo o que envolve ser homem ou mulher?

sábado, 14 de outubro de 2017

Cães farejadores identificam Alguém vivo no sacrário

Imagem ilustrativa
FOI EM 1995, DURANTE A VIAGEM APOSTÓLICA DO PAPA SÃO JOÃO PAULO II AOS ESTADOS UNIDOS, DENTRO DE UMA CAPELA “VAZIA”…

O site www.americaneedsfatima.org divulgou neste ano o impactante relato de um acontecimento registrado no último dia da viagem apostólica do papa São João Paulo II aos Estados Unidos em 1995. O relato é apresentado pelo pe. Albert J. Byrne em um artigo intitulado “Nature’s Evidence of the Real Presence” (“Uma evidência natural da Presença Real“), a propósito de Jesus Cristo presente e vivo em Carne, Sangue, Alma e Divindade na Eucaristia.

Segundo o relato, o Santo Padre estava em Baltimore, visitando o seminário de Santa Maria, e quis fazer uma visita não programada à capela do Santíssimo Sacramento. Os responsáveis pela sua segurança percorreram imediatamente todas as dependências do edifício com cães farejadores, daqueles que ajudam a localizar pessoas em desabamentos de prédios e catástrofes naturais, a fim de certificar-se de que não houvesse eventuais indivíduos escondidos no local.

Vicente de Paulo, Carta 0005: Edmundo Mauljean a São Vicente

Senhor:

Tenho tanta segurança quanto à sua competência, prudência, capacidade e outros méritos que, de bom grado, concedo o que pede. ( Deus lhe dá a graça de fazê-lo dignamente, como eu espero!

Em sinal de que assinei esta permissão em 20 de junho de 1616.

MAULJEAN

http://vincentians.com

Oração para ser curado da depressão

Reze comigo:

Toma-me pelas mãos Senhor, e faz-me sentir a segurança de tua presença em nome de Jesus Cristo, no poder do Espirito Santo.Pai amado, em nome de Jesus no poder do teu Espirito, eu quero iniciar a cura do meu passado dolorido.Eu te agradeço pelo dom da minha vida, pois ela não foi Apenas o fruto da vontade dos meus pais.Em tua palavra está escrito: Antes que no seio fostes formado, eu já te conhecia. Antes do teu nascimento eu já havia consagrado.

LECTIO DIVINA: Lc 11,27-28

1. Leitura (Verdade)
O que diz o texto do dia?
Leio atentamente, na minha Bíblia, o texto: Lc 11,27-28.
Quando Jesus acabou de dizer isso, uma mulher que estava no meio da multidão gritou para ele:
- Como é feliz a mulher que pôs o senhor no mundo e o amamentou!
Mas Jesus respondeu:
- Mais felizes são aqueles que ouvem a mensagem de Deus e obedecem a ela.

30 mártires são canonizados pelo papa Francisco; conheça a história

Foi na Capitania do Rio Grande do século 17 que viveram os homens, mulheres e crianças que se tornarão os novos santos brasileiros neste domingo (15). O papa Francisco vai canonizar, de uma só vez, trinta fiéis mortos pelos holandeses calvinistas nos massacres de Cunhaú e Uruaçu em 1645, no Rio Grande do Norte.
Naquela época, os holandeses invadiram o Nordeste do Brasil, pois tinham interesse nos engenhos de cana-de-açúcar. Os comandos, no país, partiam de Pernambuco. Além do objetivo econômico, entretanto, os invasores tentavam impor a religião calvinista por onde passavam e não toleravam a fé católica, segundo conta o padre José Neto, pároco de Canguaretama, na Grande Natal.

sexta-feira, 13 de outubro de 2017

Estamos no Site da JMV Brasil

Com muita alegria que dividimos com vocês essa matéria publicada no site da JMV Brasil, que fala um pouco sobre a nossa trajetória.  para acessar a matéria na integra é só clicar no link Site JMV Brasil   Corre lá!

Do blog: Agradecemos a equipe da JMV Brasil pelo reconhecimento e divulgação do nosso trabalho, essa matéria nos enche de alegria e nos serve como combustível para continuar acelerando pelos caminhos de Deus. 

Vicente de Paulo, Carta 0004: Para Edmundo Mauljean, vigário geral da Sens

20 de junho de 1616

Senhor:

A graça de nosso Senhor esteja sempre conosco.

Às vezes, há algumas pessoas boas que desejam fazer uma confissão geral, e, como muitas vezes são casos reservados e lamentam que saíssem, pensei humildemente implorar que me absolvesse desses casos reservados, assegurando-lhe que não vou abusar de você no mínimo, e eu serei minha vida inteira, senhor, seu humilde e obediente servo.

VICENTE DEPAULO

CRÉDITOS
AUTOR: VICENTE DE PAÚL · ANO DE PUBLICAÇÃO ORIGINAL: 1972 · FONTE: OBRAS COMPLETAS DE SÃO VICENTE DE PAULO . 
TEMPO DE LEITURA ESTIMADO: 1 MINUTO

Fonte: http://vincentians.com

Quem sou eu?

O que em mim se derramou chama-se vida, e eu sou alguém, sou uma pessoa

Sinto uma sensação tão gostosa, um sopro suave, terno, meiguice envolvente e irresistível. Pareço a mim mesmo algo tão pequeno, não insignificante, mas minúsculo e, ao mesmo tempo, grande. Invade-me a sensação de que posso crescer, crescer, mesmo lentamente, e tornar-me um ser considerável em tamanho e porte.

Ah, esse sopro, que não sei de onde vem ou como chega até mim, tão delicado e sensível, magnificente, parece me transformar profundamente ou seria me formar intensamente? Pouco importam as palavras. Importa a força que invade e faz de mim uma existência, alimentada e alimentando-se de um nutriente doce, invisível e saboroso. Sinto-me inundado por uma luz repleta de nuances, enquanto sorvo vorazmente um néctar invisível, bebida vital e sublime. Onde estará o manancial, a fonte que me sustenta? Parece tão próximo e tão distante, generosa simultaneidade.

Esperança ou expectativa?

Conteúdo enviado por: Jenifer Thaís Lima

Porque sou eu que conheço os planos que tenho para vocês', diz o Senhor, 'planos de fazê-los prosperar e não de causar dano, planos de dar a vocês esperança e um futuro.  Jeremias 29:11
Expectativa, uma palavra pequena, porém que causa grande estragos na vida das pessoas... Diz um ditado popular que expectativa é a última coisa que devemos alimentar. É aqui que vem a pergunta chave: A quem ou ao o que você deposita sua ‘’expectativa’’?  “O perverso olha para o futuro e espera. Mas suas expectativas não têm fundamento seguro. São apenas desejos. Confia na sorte, no destino ou, na melhor das hipóteses, na força de suas mãos ou na “energia interior”. Mas ele é criatura, embora não o reconheça, e como criatura é passageira e mortal.

LECTIO DIVINA: SEXTA-FEIRA DA SEMANA XXVII DO TEMPO COMUM

Joel 1, 13-15; 2, 1-2 
Vesti-vos de luto e chorai, sacerdotes, entoai lamentações, ministros do altar. Vinde passar a noite com vestes de penitência, ministros do meu Deus. Porque no templo de Deus, desapareceram a oferenda e a libação. Proclamai um solene jejum, convocai uma assembleia. Reuni os anciãos e todos os habitantes do país no templo do Senhor, vosso Deus. E clamai ao Senhor: «Ah, que dia este!». Está próximo o dia do Senhor, que vai chegar como devastação que vem do Omnipotente. Tocai a trombeta em Sião, dai o alarme no meu santo monte. Estremeçam todos os habitantes do país, porque está a chegar o dia do Senhor. Sim, ele está próximo: será dia de trevas e de escuridão, dia de nuvens e de sombras. Como a luz da aurora, estende-se sobre os montes um povo numeroso e forte. Nunca houve povo nenhum como ele, nem depois dele haverá outro, até às mais longínquas gerações.

quarta-feira, 11 de outubro de 2017

Vicente de Paulo, Carta 0003: A sua mãe, em Pouy

17 de fevereiro de 1610

Minha mãe:

A certeza de que o Sr. de Saint-Martinme deu sua boa saúde me deixou tão feliz que a permanência que ainda tenho nesta cidade para recuperar a ocasião de promoção (que tirou meus desastres), acho doloroso impedir-me ir para devolver os serviços que lhe devo; Mas espero da graça de Deus que ele abençoe meus trabalhos e em breve me conceda os meios para obter um retiro honesto, para empregar o resto dos meus dias com você. Expliquei a situação do meu negócio ao Sr. de Saint-Martin, e ele me mostrou que queria continuar com a benevolência e o carinho que o Sr. de Comet teve que nos dar. Pedi-lhe para lhe contar tudo.

Gostaria de saber o estado dos assuntos da casa e se todos os meus irmãos e irmãs e o resto de nossos parentes e amigos estão bem, especialmente se meu irmão Gayón se casou e com quem, e também como os assuntos de minha irmã Maria, de Paillole, e se ela ainda mora na mesma casa com seu cunhado Bertrand. Quanto à minha outra irmã, acho que ela se encontrará com prazer, desde que Deus tenha prazer em tê-la. Gostaria também que meu irmão estudasse alguns dos meus sobrinhos, os meus infortúnios e o pequeno serviço que consegui fazer na casa até agora, que possam remover a vontade dele; mas imagine que o infortúnio presente pode pressupir um destino no futuro.

Esta é a minha mãe, tudo o que posso dizer a ela agora, se não, também eu imploro que você apresente meus humildes cumprimentos a todos os meus irmãos e irmãs e a todos os nossos parentes e amigos, e rezo a Deus incessantemente por sua saúde e Para a prosperidade da casa, como o que é e será, minha mãe, o filho e servo mais humilde, obediente e útil,

DEPÓSITO

Peço-lhe que apresente meus humildes cumprimentos a todos os meus irmãos e irmãs e todos os nossos parentes e amigos, especialmente Bétan.

CRÉDITOS
AUTOR: VICENTE DE PAÚL · ANO DE PUBLICAÇÃO ORIGINAL: 1972 · FONTE: OBRAS COMPLETAS DE SÃO VICENTE DE PAULO . 
TEMPO DE LEITURA ESTIMADO: 2 MINUTOS

Fonte: http://vincentians.com

LECTIO DIVINA: QUARTA-FEIRA DA SEMANA XXVII DO TEMPO COMUM

Jonas 4, 1-11
Jonas ficou muito desgostoso e irritado, quando Deus perdoou aos ninivitas, e orou, dizendo: «Ah, Senhor! Não era isto que eu dizia, quando estava ainda na minha terra? Por isso me apressei a fugir para Társis, por saber que sois um Deus clemente e compassivo, lento para a ira, rico de misericórdia e sempre disposto a desistir do castigo. Mas agora, Senhor, tirai-me a vida, porque para mim é melhor morrer do que ficar vivo». O Senhor respondeu-lhe: «Terás razão para te irritares?». Jonas saiu de Nínive e instalou-se a oriente da cidade. Aí fez uma cabana e sentou-se à sua sombra, para ver o que acontecia à cidade. Então o Senhor Deus fez crescer um rícino, que se elevou por cima de Jonas, para lhe dar sombra à cabeça e o livrar do seu mau humor.

FRASE DE SÃO VICENTE DE PAULO


Resultado de imagem para IMAGEM de são vicente de paulo

-” Os pobres abrem-nos a porta para a eternidade”.

Liberdade não pode ser irresponsabilidade

Liberdade não pode ser irresponsabilidade



A liberdade, portanto, não pode se transformar em arma, usada irresponsavelmente para desferir golpes contra os outros
A contemporaneidade exige um aprendizado a respeito de como valer-se das conquistas alcançadas ao longo da história para se construir um mundo melhor. Há uma ciência própria que deve auxiliar o exercício da liberdade para que prevaleça também o respeito inegociável aos direitos e às autonomias. Deve-se considerar sempre a ética da alteridade, que exige uma específica competência cidadã. Somente assim é possível ver a vida e avaliar cenários não apenas a partir do próprio lugar e de interesses particulares, mas considerando perspectivas capazes de contemplar o bem maior, da coletividade.

O fim do Ano Mariano e os 300 anos de Aparecida

Meditemos sobre o final do Ano Nacional Mariano e a comemoração dos 300 anos do encontro da imagem de Nossa Senhora Aparecida.
Neste dia 11 de outubro de 17, chegamos ao fim do Ano Nacional Mariano, instituído pela Congregação Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), e no dia 12 comemoramos o jubileu de 300 anos do encontro milagroso da imagem de Nossa Senhora da Conceição Aparecida nas águas do Rio Paraíba Rio Sul, na atual cidade de Aparecida-SP. O povo católico brasileiro está em festa pelos 300 anos de Nossa Senhora Aparecida, Rainha e Padroeira do Brasil!

Meditemos sobre o final do Ano Nacional Mariano e a comemoração dos 300 anos do encontro da imagem de Nossa Senhora Aparecida.

Imagem de Nossa Senhora Aparecida
No fim deste Ano Mariano, ao celebrarmos o jubileu dos 300 anos de Aparecida, nosso coração deve encher-se de alegria pelas graças e bênçãos concedidas por Deus através das mãos maternais da Virgem Maria. Devemos agradecer a nossa Mãe e Rainha por tantos favores recebidos nestes três

segunda-feira, 9 de outubro de 2017

LECTIO DIVINA: SEGUNDA-FEIRA DA SEMANA XXVII DO TEMPO COMUM

Jonas 1, 1 – 2, 1.11
A palavra do Senhor foi dirigida a Jonas, filho de Amitai: «Levanta-te e vai à grande cidade de Nínive e anuncia-lhe que a fama da sua malícia chegou à minha presença». Jonas levantou-se, a fim de fugir para Társis, para longe da presença do Senhor. Desceu a Jope, onde encontrou um navio que ia para Társis. Pagou a sua passagem e embarcou, a fim de seguir com os viajantes para Társis, para longe da presença do Senhor. Mas o Senhor fez que soprasse um forte vento sobre o mar e levantou-se uma grande tempestade, a ponto de o navio ameaçar afundar-se. Os marinheiros estavam aterrados e começou cada qual a clamar pelo seu deus. Para aliviarem o navio, deitaram a carga ao mar. Entretanto, Jonas tinha descido ao porão do navio e, deitado, dormia profundamente. O capitão foi ter com ele e disse-lhe:

Vicente de Paulo, Carta 0002: Ao Senhor do Cometa

Senhor:

Eu já escrevi duas vezes para ele através do Ordinário de Espanha, que passa por Paris e Bayonne, dirigindo minhas cartas ao senhor da Lande para as passar ao procurador do rei, pois lembrei-me de que são parentes, me fez achar esse venerável pai religioso prestes a sair, por meio do qual espero aproveitar o bem que tive Privado da perfídia daqueles a quem observei minhas cartas anteriores.

Isso não é nada mais, senhor, mas a nova segurança de seu bom estado de saúde e de toda a família, pelo qual peço ao Senhor a felicidade cheia de todas as suas graças. Agradeço o seu cuidado parental anterior de mim e dos meus assuntos, e rezo a Deus, como farei toda a minha vida, para me conceder a graça de ter os meios para pagar os seus serviços, o que você tem Sabe hipotecar com todo o bem que um pai pode fazer com seu próprio filho.

FRASE DE SÃO VICENTE DE PAULO

Resultado de imagem para IMAGEM de são vicente de paulo


–” Se procurardes a Deus, encontra-Lo-eis por toda a parte…”

Compreenda o amor entre os homens e os animais

Compreenda o amor entre os homens e os animais
Entenda a ligação dos homens com os animais
O homem descobriu a afeição pelos animais, e o cão foi, posteriormente, eleito “o melhor amigo do homem”. Enquanto algumas espécies de animais correm o risco de se extinguirem em nossas matas e florestas, outros se multiplicam dentro de nossas cidades e casas. É comum andar nas cidades e assistir a donos passeando nas ruas com seus animaizinhos.
A relação do homem com os animais é muito antiga. Parece que a mais remota é com os auroques (espécie de bovinos já extintos), que serviam para a sobrevivência do homem. Essa relação foi se aprofundando e surgiu a co-habitação e domesticação de algumas espécies como ovelhas, aves e gatos. A domesticação dos cavalos trouxe grande progresso para a humanidade. Mais recentemente, projetos científicos mostraram e elaboraram formas de relacionamento que trazem benefícios psicológicos e até físicos para o homem, como é o caso da equitação.

Superstição: quanto ela influencia sua vida?

1600x1200-supersticao-quanto-ela-influencia-sua-vidaA história da humanidade está repleta de relatos relacionados à superstição
Medo de gato preto, receio de passar debaixo de escadas, colocar a imagem de Santo Antônio de ponta-cabeça no copo d’’água dentre tantos outros costumes são histórias que permeiam a vida de todos nós. As superstições são tão antigas quanto a humanidade, estão presentes na história e associadas a rituais pagãos em que as pessoas louvavam a natureza.

Quem nunca ouviu falar de uma delas, não é mesmo? Há séculos, convivemos com esses costumes, muitas vezes, sem saber como nasceram.

Qual é o posicionamento da Igreja em relação à numerologia?

Qual-é-o-posicionamento-da-Igreja-em-relação-a-numerologiaO cristão não pode acreditar na numerologia, pois o seu futuro está nas mãos de Deus
Numerologia é o estudo qualitativo dos números aplicados ao ser humano. Também são utilizadas as letras do alfabeto, convertendo-as em números por meio de uma tabela e assim determinando um valor numérico para nomes.

sábado, 7 de outubro de 2017

MEIO MILHÃO DE ACESSOS!!!!!!!

video

Nem nas melhores hipóteses imaginávamos chegar a essa marca de meio milhão, de visitas, ,sendo praticamente cem mil delas só no ultimo mês... 
Aproveitamos o momento para gradecer aos leitores que nos ajudaram a construir essa rede de evangelização!

Que Deus abençoe todos.  

Por que deixar para depois?


O hábito de deixar tudo para depois tem perseguido a vida de muitas pessoas.

Domingão à tarde, depois de um almoço bem “diet”, com direito a feijoada, uma torta de nozes com bastante recheio de chocolate meio amargo e um cafezinho doce para fechar o momento “domingueira” caem bem. Melhor ainda, é dizer a mesma ladainha: “só hoje, pois amanhã mesmo vou à academia queimar tudo isso na esteira”. No entanto, essa promessa rola há um bom tempo e muitos domingos já foram palco desse discurso. E a tão sonhada academia nunca recebeu a sua visita.

Segunda-feira chega e com ela a promessa de entregar três textos para a produção do portal, onde você, agora, lê um deles; uma promessa feita pelo autor que fala com você neste momento. Hoje, já é quarta-feira, mas nada de texto! Dos três textos pedidos, somente um foi enviado para a caixa de e-mail da solicitante. Quem sabe seja este o segundo texto?

Vincente de Paulo, Carta 0001: Ao Senhor do Cometa

Senhor

Dois anos atrás, ao contemplar o progresso favorável dos meus assuntos, qualquer um poderia ter dito que a fortuna, ao contrário dos meus méritos, procurou tornar-me mais invejado do que imitado; infelizmente, isso era apenas para representar em mim sua inconstância e seu capricho, transformando sua graça em infortúnio e fortuna em fortuna.

Você conseguiu saber, ao conhecer meus assuntos, como encontrei, a meu regresso de Bordéus, um testamento feito em meu nome por uma boa senhora velha de Toulouse, cuja propriedade consistia em algum mobiliário e algum terreno que a câmara bipartite de Castres concedeu-o por três ou quatrocentos coroas que lhe devia um malvado malandro; para retirar uma parte deles, fui lá para vender os referidos produtos, aconselhei os meus melhores amigos e a necessidade de ter dinheiro para satisfazer as dívidas que haviam contraído e as grandes despesas que supunha que deveria fazer para realizar o assunto que minha temeridade não me permite nomear.

LECTIO DIVINA: SEXTA-FEIRA DA SEMANA XXVI DO TEMPO COMUM

Baruc 1, 15-22
Ao Senhor, nosso Deus, pertence a justiça e a nós a vergonha que sentimos no rosto, como sucede neste dia ao homem de Judá e aos habitantes de Jerusalém, aos nossos reis, aos nossos chefes, aos nossos sacerdotes, aos nossos profetas e aos nossos pais, porque pecámos contra o Senhor. Não obedecemos ao Senhor nosso Deus, não ouvimos a sua voz, nem seguimos os mandamentos que Ele nos deu. Desde o dia em que o Senhor fez sair os nossos pais da terra do Egipto até este dia, fomos rebeldes ao Senhor, nosso Deus, e procedemos levianamente, não querendo escutar a sua voz. Por isso, como vemos hoje, caíram sobre nós as desgraças e maldições que o Senhor predissera pela boca do seu servo Moisés, no dia em que fez sair os nossos pais da terra do Egipto, para nos dar uma terra onde corre leite e mel. Não ouvimos a voz do Senhor, nosso Deus, apesar das palavras dos Profetas que Ele nos enviou; mas cada um de nós seguiu as inclinações do seu coração, servindo deuses falsos e praticando o que é mal aos olhos do Senhor, nosso Deus.