sexta-feira, 21 de agosto de 2015

LECTIO DIVINA

Leitura: Mateus 22,34-40
Os fariseus se reuniram quando souberam que Jesus tinha feito os saduceus calarem a boca. E um deles, que era mestre da Lei, querendo conseguir alguma prova contra Jesus, perguntou:- Mestre, qual é o mais importante de todos os mandamentos da Lei?Jesus respondeu:- “Ame o Senhor, seu Deus, com todo o coração, com toda a alma e toda a mente.” Este é o maior mandamento e o mais importante. E o segundo mais importante é parecido com o primeiro: “Ame os outros como você ama a você mesmo.” Toda a Lei de Moisés e os ensinamentos dos Profetas se baseiam nesses dois mandamentos.
Oração: O mandamento mais importante
E o segundo mais importante é parecido com o primeiro.

Havia dezenas de mandamentos que deveriam ser seguidos rigidamente pelos judeus, mas daí, perguntaram a Jesus qual deles seria o mais importante. Jesus respondeu-lhes com os dois mandamentos mais significativos: Ame o Senhor e ame os outros.
À primeira vista, parece que Amar o Senhor, o mais importante mandamento, é coisa simples de cumprir. Estamos acostumados a bradar nosso amor por Jesus. Cantamos, inclusive, o quanto amamos nosso Deus. Então estaria tudo resolvido. Bastaria cumprir o primeiro mandamento. Por outro lado, o segundo mandamento mais importante, Amar os outros, é bem mais difícil e desafiador, deixemos então para cumpri-lo quando der.
Contudo, pensando bem, são dois mandamentos em um único, porque não é possível amar o Senhor, com o coração, a alma e a mente (ou seja, por inteiro), se não se é capaz de amar os outros. Sabemos que Deus se manifesta no próximo, pelos atos de bondade, pelo perdão. Então, para amarmos nosso Deus, por completo, é necessário que amemos também nosso próximo, com o coração, a alma e a mente.
Certamente esse tipo de raciocínio nos dá mais motivação para enfrentarmos o grande desafio de amar os outros. Para que isso aconteça, peçamos hoje a Jesus que Ele nos ajude a descobri-lo no próximo. Quando amamos verdadeiramente os outros, sentimos mais próxima a presença de Deus, que é amor, manifestada em todas as situações e ambientes que vivemos e frequentamos.

Marcelo Camargos - Lectionautas do Brasil

João Elias Fernandes
Sou João, tenho 23 anos, estudante de engenharia de produção,
Jovem Mariano Vicentino. 
Caicoense, 
Moro em Campina Grande PB, onde estudo


Nenhum comentário:

Postar um comentário