domingo, 24 de março de 2013

#Semana Santa


Ás portas do Domingo de Ramos (ou Domingo da Paixão), data em que inicia-se a Semana Santa iremos refletir um pouco sobre esta que é a semana mais sagrada da Igreja, tomando como base os seis atos principais da semana: Domingo de Ramos, Quinta-feira Santa, Sexta-feira da Paixão, Sábado Santo (ou de Aleluia) e o Domingo da Páscoa.


@Domingo de Ramos: Celebramos a entrada triunfante de Nosso Senhor Jesus Cristo em Jerusalém, mesmo sabendo que esta seria “a cidade onde haveria de sofrer a Paixão, Morte e Ressurreição” [CIC 570]. Em muitas paróquias há a procissão e missa solene de ramos.
@Quinta-feira Santa: Nesta noite Nosso Senhor “revelou de três modos seu amor até o fim: lavou os pés dos discípulos, mostrando que está entre nós como aquele que serve, antecipou simbolicamente seu Sacrifício e fazendo seus Apóstolos sacerdotes da Nova Aliança.” [Youcat 99]
@Sexta-feira Santa: Este é o único dia do ano em que não há missas. Ao invés da missa, realiza-se a Solene Ação Litúrgica da Paixão, cerimônia onde ocorre o beijamento da Cruz. Este é um dia de silêncio e oração em respeito e lembrança á morte de Nosso Senhor e Salvador.
@Sábado Santo: A noite do sábado santo é a “noite de alegria verdadeira, que une de novo o Céu e a Terra inteira” [Precônio pascal]. Nesta noite nos encontramos com o Cristo ressuscitado e nos enchemos de seu amor e misericórdia. Durante a missa solene é aceso o círio pascal, “Luz de Cristo”, que ficará aceso durante todo o tempo pascal, até o dia de Pentecostes, também durante esta mesma missa renovamos nossas promessas batismais e na maioria das vezes alguns irmãos são batizados, para que banhados nas águas do Cristo ressuscitado possam ser novas criaturas.
@Domingo da Páscoa: É o “dia que o Senhor fez para nós” [Sl 118,24], o dia em que na qual os cristãos celebram a Ressurreição de Nosso Senhor e lembram-se de que “a morte não é mais o fim de tudo, veio ao mundo a alegria e a esperança. Depois de a morte deixar de ter poder sobre Jesus [Rm 6,9], também já não tem mais poder sobre nós, que pertencemos a Jesus.” [CIC 655,658] A Igreja pede que seus fiéis comunguem ao menos neste dia.   

Agora que você sabe um pouco sobre a Semana Santa, que tal ir vivê-la em sua comunidade? Fique ligado nos horários das celebrações na Igreja mais próxima de você e percorra junto de Cristo os caminhos da história da Redenção da humanidade. Fique com Deus e uma santa e feliz Semana Santa!

Fonte: http://catecismojovem.blogspot.com.br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário