quinta-feira, 30 de julho de 2015

LECTIO DIVINA

Mt  13, 47 – 53
Naquele tempo, disse Jesus à multidão: 47 O Reino dos Céus é ainda como uma rede lançada ao mar e que apanha peixes de todo tipo. 48 Quando está cheia, os pescadores puxam a rede para a praia, sentam-se e recolhem os peixes bons em cestos e jogam fora os que não prestam. 49 Assim acontecerá no fim dos tempos: os anjos virão para separar os homens maus dos que são justos, 50 e lançarão os maus na fornalha de fogo. E ai, haverá choro e ranger de dentes. 51 Compreendestes tudo isso?’ Eles responderam: ‘Sim.’ 52 Então Jesus acrescentou: ‘Assim, pois, todo mestre da Lei, que se torna discípulo do Reino dos Céus, é como um pai de família que tira do seu tesouro coisas novas e velhas.’ 53 Quando Jesus terminou de contar essas parábolas, partiu dali.


Oração: O Reino dos Céus é para todos

“O Reino dos Céus é ainda como uma rede lançada ao mar e que apanha peixes de todo tipo.” O Reino dos Céus é para todos, ele não exclui. Estamos muito ‘acostumados’ a exclusão. Ela está presente em quase todas as situações que vivemos. A lógica de Deus é diferente, Ele não exclui, ao contrário, deseja que todos possam participar do seu Reino.
No mundo há o bem e o mal. A nós foi dado o livre arbítrio, podemos escolher entre um ou o outro. À luz do Espírito Santo, somos capacitados a discernir e optar pelo caminho que nos aproxima de Deus.
No Reino permanecerão aqueles que optarem pelo bem. O Reino não é algo distante. No nosso cotidiano podemos permanecer ou não nesse Reino. Podemos admirar o contraste das cores das folhas secas no asfalto ou queixar-me porque terão que ser retiradas para não provocar a queda dos transeuntes. Deus se faz presente a cada instante, a cada acontecimento das nossas vidas. Buscar aproximar-nos de Deus ajuda-nos a ser partícipe do Reino, entrar em sintonia com Deus ajuda-nos a permanecer nele.
Não nos cabe julgar aqueles que não optam pelo bem. Deus, na sua generosidade, nos quer como seus auxiliares. Somos instrumentos nas mãos D’Ele. Deus conta conosco para ir ao encontro daqueles que erram, para que possamos contribuir para que percorram o caminho do bem.
À luz do Espírito Santo possamos refletir:
- Quais são as escolhas que tenho feito no meu dia-a-dia?
 - Tenho buscado me aproximar do Reino? Quais são os meios que tenho utilizado?
 - Desejo contribuir para a construção do Reino de Deus? Como?
Deus nos ajude a ser fiel à sua proposta. Que alimente em nós a fé para que possamos fortalecer a nossa amizade com Ele. Que possamos ser capazes de dar passos mais largos, colocando-nos a caminho, auxiliando na construção do Reino que Ele deseja para nós.  Amém.
Norma Parreiras - Lectionautas do Brasil


João Elias Fernandes
Sou João, tenho 23 anos, estudante de engenharia de produção,
Jovem Mariano Vicentino. 
Caicoense, 
Moro em Campina Grande PB, onde estudo.


Nenhum comentário:

Postar um comentário