sexta-feira, 9 de agosto de 2013

Relatório EIJV e JMJ 2013


"Durante 12 dias vivemos momentos lindos, de muita espiritualidade em Minas Gerais e no Rio de Janeiro.
Em Ribeirão das neves tudo foi muito bem organizado, durante três dias tivemos catequeses durante a manhã com assuntos como: “espiritualidade vicentina”, “mudança de estruturas” e “vamos aos pobres” que nos acordou e nos relembrou dos pilares do nosso grupo: Ser, Amar e Construir, sobretudo com os pobres e para os pobres. Também missas e momentos de descontração onde pudemos conversar e interagir com pessoas de diversas partes do Brasil e do mundo, nos mostrando a grandeza não só da FamVin mas também da JMV, que compunha uma notável parcela da comunidade presente. Foi incrível ver na prática, o que sabíamos por meio da internet: A JMV está em cada canto do mundo! Evangelizando e fazendo o bem por meio da espiritualidade mariana e vicentina a muita gente.
No Rio de Janeiro vivemos experiências inesquecíveis, a província do Recife ficou alojada em casas de família, todos no bairro de Irajá (com exceção das irmãs da caridade), apesar da distância conseguimos participar de muitos eventos, como a acolhida do papa em Copacabana, onde conseguimos vê-lo bem de perto, e admirar todo seu carisma e humildade, as catequeses e missas (em Irajá mesmo), a feira vocacional na quinta da boa vista, a peregrinação de mais de 10 km em direção a Copacabana para a missa e vigília, vale ressaltar o momento da adoração ao Santíssimo Sacramento que foi regido de muita emoção, foi simplesmente maravilhoso, e também a missa de encerramento onde foi falado o local da próxima JMJ: Polônia! Dentre outros eventos no intercurso. Assim como na EIJV vimos a grandeza da igreja, mas numa proporção muito maior, acredito que o objetivo da jornada foi cumprido: dar a conhecer a todos os jovens do mundo a mensagem de Cristo, mas é verdade também que, através deles, o ‘rosto’ jovem de Cristo se mostra ao mundo. E que a mensagem do papa Francisco foi ouvida: Sejam revolucionários!
O EIJV proporcionou o encontro de Jovens de todos os ramos da família vicentina do mundo inteiro, como também a JMJ reuniu jovens de toda parte do mundo, os dois eventos com um único propósito, levar os jovens a encontrar Jesus Cristo.
Foram vários momentos de espiritualidade marcantes em nossas vidas. Cansativo, mas gratificante, pois estávamos indo ao encontro com Deus. Como disse o nosso Santo Papa Francisco com seu jeito humilde e simples: 'Não tenhas medo de anunciar o Evangelho'. Por isso, jovens, vamos fazer discípulos entre todas as nações."
JMV da Província do Recife
Ariany e Maraiza

Nenhum comentário:

Postar um comentário